QUAL LIVRO VOCÊ DEVERIA LER?

Li um texto em inglês do Scott H. Young (confira o blog dele clicando aqui) e estou praticamente traduzindo abaixo e acrescentando meus comentários...

Sempre me perguntam quais são meus livros favoritos. Tenho dificuldades para responder essa pergunta, porque, implicitamente, a pessoa está me fazendo duas perguntas:

1.                 Qual é seu livro favorito?

2.                 Qual livro eu deveria ler?

Imagem retirada gratuitamento do site Pixabay.

A maioria dos meus livros favoritos não são livros para o desenvolvimento pessoal. O melhor livro que eu já li provavelmente não vai ser tão sensacional e inspirador para a vida de outra pessoa.

O correto a dizer é que o melhor livro é aquele que te ensina algo que você ainda não sabia. Porque as pessoas têm níveis de conhecimento diferentes sobre um tema, o mesmo livro pode mudar a vida de uma pessoa e ser muito chato para outra.

A PIRÂMIDE DOS LIVROS

Então, ao invés de tentar dar sugestões para a pessoa sobre quais são os “melhores” livros, eu acho que a melhor maneira de se pensar sobre livros é como uma pirâmide invertida.
 
Imagem criada pela autora a partir do blog de Scott H Young.

Na base estão os melhores livros que proporcionam o conhecimento inicial para um determinado assunto. Esses livros são bons para começar, se você nunca leu sobre o assunto ou conhece muito pouco.
No topo das camadas estão os livros que são mais pesados, mais cheio de detalhes e, paradoxalmente, menos úteis. Eles são menos úteis porque fornecem definições incrivelmente sofisticadas.
Mas se você já leu muitos livros das camadas mais fáceis e você já desenvolveu um nível de conhecimento fundamental, os livros das camadas mais altas vão parecer muito bons e adequados para você.

SUBINDO NA PIRÂMIDE

O sentido da vida dos leitores é começar nas camadas mais baixas e ir subindo até as camadas do topo, para aqueles assuntos de nosso interesse.
Uma impressão equivocada é aquela de que o ganho de conhecimento (a subida de camada) é sempre um processo de acúmulo. Isto é, ter a mesma imagem que você tinha antes, mas agora com uma resolução melhor.
O conhecimento não funciona assim. Quanto mais você sobe na pirâmide, sim, você aprende mais detalhes e nuances sobre a mesma imagem. MAS você também começa a se dar conta do tanto de crenças errôneas, pressupostos falsos, erros conceituais e aproximações grosseiras em que você acreditava antes.
Ganhar conhecimento não é apenas aprender mais definições, mas é também reorganizar as estruturas do que você achava que sabia antes!

QUAL LIVRO VOCÊ DEVERIA LER?

Ao invés de perguntar qual livro você deveria ler, você deve começar a ler muitos livros, na verdade, todos que você tiver oportunidade. A maioria deles não vai mudar a sua vida. Mas, ler com frequência vai empurrar o seu conhecimento para as camadas de cima da pirâmide e, quando você se der conta, vai ver que aprendeu e evoluiu muito. Valeu a pena essa jornada.

Nas palavras do poeta Fernando Pessoa: “Tudo vale a pena, quando a alma não é pequena”.
Muito obrigada a você que acompanha o nosso trabalho. Por favor, fique à vontade para deixar seus comentários. Também é possível acompanhar as novidades pela nossa página no Facebook.

BOA SEMANA!

BOAS LEITURAS!

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

COMO SABER SE É UMA PESQUISA CIENTÍFICA DE VERDADE?

FERNANDO PESSOA: OUTRA VEZ TE REVEJO... - CLEONICE BERARDINELLI

TOMADA DE DECISÃO PARA PROFISSIONAIS