Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2019

SIM, EXISTEM POBRES NO CANADÁ, MAS É UM "POUQUINHO" DIFERENTE

Imagem
Existem pobres no Canadá. Assim como existem ricos. Eu tenho um conhecido canadense que morava no Brasil que uma vez me disse isso. Eu respondi: “Mesmo em países como a Suécia, que fazem muito mais propaganda do bem-estar social do que o Canadá, eu nunca imaginei que não existissem pobres. Qualquer lugar do mundo tem pobres e ricos”. Mas, para ele se dar o trabalho de me dizer isso, deve ser porque ele já encontrou brasileiros que achavam que não existissem pobres no Canadá. De acordo com o livro do Dany Laferrière, o Québec foi construído baseado no mito da não existência de classes. Mas, lógico, elas existem.
COMO EU MORO EM SHERBROOKE Eu aluguei um quarto em Sherbrooke no subsolo de uma casa, que eu divido com outras 10 pessoas, entre locais, franceses e brasileiros. A maioria é jovem e universitário, o que seria equivalente a uma “república” no Brasil.

É lógico que eu adotei essa solução, porque é barato e fica pertíssimo da universidade. A casa tem suas regras: não se pode fazer bar…

EXPLORANDO O INTERIOR DO QUÉBEC

Imagem
Tanta coisa para dizer... Em tão pouco espaço. Universidades, comidas, bebidas, cultura, cinema, música, literatura, imigração, carros elétricos, natureza, rios, lagos, animais, etc. Se vocês quiserem ler especificamente sobre algo, por favor, deixem nos comentários. Por favor, me desculpem pelo atraso. Neste fim de semana, eu viajei para conhecer a Província de Québec. Acabei chegando muito tarde no domingo.



SHERBROOKE – QUÉBEC Eu saí de Sherbrooke, uma cidade universitária de cerca de 160.000 habitantes, para visitar a cidade Québec, capital da Província, cuja população é de cerca de 530.000 habitantes. A cidade de Québec fica a 237 km ao norte de Sherbrooke.



QUÉBEC - SAGUENAY Também visitei Saguenay, uma cidade de 148.000 habitantes, 241 km ao norte de Québec. Em resumo, eu viajei quase 500 km ao norte da Província. Isso já é bem frio. Quanto mais ao norte, menos populoso, maior a altitude e mais frio.



PARQUE NACIONAL JACQUES-CARTIER Para chegar a Saguenay, a gente cruza o Parque Naciona…

QUANTOS SANTOS CANADENSES EXISTEM? – DIA DE AÇÃO DE GRAÇAS, ELEIÇÕES E LITERATURA NO CANADÁ

Imagem
Olá, pessoal! Muito obrigada pelas leituras e comentários. DIA DE AÇÃO DE GRAÇAS Amanhã é feriado aqui no Canadá. É Dia de Ação de Graças, um feriado que, de acordo com o que eu li, os canadenses passam em família, assim como o Natal. Os canadenses comemoram o Dia de Ação de Graças um mês antes dos norte-americanos. Arrisco dizer que seja por causa do clima. Os dias estão lindos neste fim de semana. Daqui a um mês, provavelmente estará mais frio. Além disso, também li que esse feriado é muito mais importante para os canadenses que falam francês, tradicionalmente católicos, do que para os que falam inglês, tradicionalmente protestantes.

ELEIÇÕES FEDERAIS NO CANADÁ Nesta semana, tivemos muitas notícias para comentar. Estava ocorrendo eleições federais no Canadá, ou seja, que vão escolher o líder principal, o primeiro-ministro. O Canadá é uma monarquia parlamentarista, subordinado à rainha da Inglaterra. Houve dois debates nesta semana, um em inglês na segunda-feira e outro em francês, na qu…

PRIMEIRAS IMPRESSÕES NO CANADÁ

Imagem
Eu cheguei em Toronto, na Província de Ontário, no Canadá, no dia 20 de setembro. Fiquei lá até o dia 27, quando viajei de trem para Montreal, na Província do Québec. Foi uma viagem de 6 horas de trem. No dia 29, peguei uma carona e vim para a cidade de Sherbrooke, no interior do Québec. A Região Metropolitana de Toronto tem 5,928 milhões de habitantes. A língua da cidade é o inglês. Já ouvi mencionarem que uma em cada três pessoas que mora em Toronto, não nasceu no Canadá. É uma cidade cosmopolita.

A Região Metropolitana de Montreal tem 4,099 milhões de habitantes. A língua oficial da cidade é o francês, mas tenho a impressão de que é uma cidade verdadeiramente bilíngue. É possível fazer quase tudo tanto em inglês quanto em francês. Recentemente, foi aprovada uma lei de secularização do Estado, que proíbe o uso de símbolos religiosos por parte de funcionários públicos na Província do Québec. Isso afeta principalmente as mulheres muçulmanas, que ficaram proibidas de trabalhar de véu. A…